Fachada ventilada

Fachada ventilada Vs Capoto. Eis as diferenças

Hoje vamos olhar para as diferenças entre a Fachada ventilada Vs Capoto. Quando pensamos na execução ou alteração da fachada do nosso edifício, deparamo-nos com imensas soluções disponíveis no mercado. A preços variados, importa, portanto, distinguir aqueles que trarão mais benefícios ao nosso projeto. Ou seja, fazer uma avaliação justa entre custo e benefício. Dessa forma, analisamos estas soluções, uma vez que a fachada ventilada e o capoto são as soluções mais populares do nosso mercado.

Na fachada ventilada, as placas do revestimento escolhido, são fixas a uma parede de suporte, criando uma caixa de circulação de ar por trás destas placas. Assim, este tipo de sistema contribui para o isolamento térmico do edifício.

Centro escolar da Lavandeira com Fachada Ventilada
Centro escolar da Lavandeira com Fachada Ventilada

As Vantagens da fachada ventilada Vs Capoto

Aquelas que mais se destacam são a eficiência energética e durabilidade, aliadas à reduzida manutenção, entre muitas outras. Aliás, poderá saber mais sobre as fachadas ventiladas neste artigo. Onde analisamos bem o assunto.

1. Fachada Ventilada supera em eficiência energética

Uma das principais vantagens da fachada ventilada é a sua eficiência energética. A circulação de ar na caixa de ar cria um bloqueio térmico que reduz a transferência de calor entre o interior e o exterior do edifício.

Portanto, a temperatura interior mantém-se mais estável. Dessa forma, reduz significativamente a necessidade de implementar sistemas de controlo de aquecimento e de refrigeração. Facilmente conseguimos perceber que esta estabilidade térmica se traduz em economia de energia a longo prazo.

2. Controlo de humidade

A fachada ventilada ajuda a prevenir problemas relacionados com a humidade, como condensação e infiltração. Portanto, o fluxo de ar contínuo entre a pele externa da fachada e a parede do edifício ajuda a dissipar a humidade, mantendo o interior do edifício seco e evitando danos à estrutura.

3. Fachada ventilada tem mais durabilidade do que o Capoto

Outra vantagem muito significativa da fachada ventilada é a questão da sua durabilidade. A utilização de revestimento resistente, como pedra, cerâmica, betão ou compósitos torna-se inegavelmente num benefício significativo. A resistência a choques, condições climáticas adversas, como intensa exposição ao sol e humidade são ganhos significativos quando comparamos fachada ventilada com o capoto.

4. Estética

Em síntese, a fachada ventilada oferece uma ampla variedade de opções estéticas devido essencialmente aos diferentes tipos de revestimentos.

5. Redução de ruído

A camada de ar presente na fachada ventilada também ajuda a isolar o edifício do ruído externo, proporcionando assim um ambiente mais tranquilo e confortável para os ocupantes.

6. Reduzida manutenção

Devido à resistência dos materiais utilizados na execução de fachada ventilada, a sua manutenção é muito reduzida e de baixo custo.

“Capoto” geralmente se refere a sistemas de isolamento térmico de fachadas, também conhecidos como sistemas de isolamento térmico pelo exterior (ETICS).

Vantagens do Capoto vs fachada ventilada

imagem da estrutura do capoto

1. Eficiência energética

O capoto normalmente oferece mais eficiência energética do que os acabamentos tradicionais, como o reboco e pintura. No entanto, não iguala os benefícios energéticos de uma fachada ventilada.

1. Valor Estético

Além dos benefícios funcionais, o capoto pode melhorar a estética do edifício. Além disso, o capoto oferece uma grande flexibilidade de design. O revestimento decorativo pode ser personalizado conforme o estilo e preferências do cliente, permitindo assim, uma grande diversidade de acabamentos e cores. Isso torna o capoto uma opção versátil para projetos de construção, adaptando-se a diferentes estilos arquitetónicos.

2. Conformidade com Normas Técnicas:

O uso de sistemas de isolamento térmico pode ajudar a atender às normas e regulamentações de eficiência energética em vigor.

É, por isso, importante notar que a eficácia do capoto depende da correta instalação e manutenção, além de considerar as características específicas do clima e da edificação. Em resumo, consultar um profissional qualificado é fundamental ao considerar a implementação desse tipo de sistema.

Fachada ventilada vs Capoto: considerações gerais:

Custo Inicial: A fachada ventilada geralmente tem um custo inicial mais elevado devido aos materiais utilizados. O capoto também tem custos, porém, normalmente é mais em conta do que a fachada ventilada.

Eficiência Energética: Ainda que o capoto seja mais popular para as escolhas de eficiência energética, a fachada ventilada acaba por dar uma dose extra de “cobertura”, ou seja, a caixa de ar e ainda o isolamento que promete essa tal eficiência. Contudo, vale a pena referir que ambos são de qualidade no que toca a este cenário.

Clima e Localização: A escolha entre fachada ventilada vs capoto pode depender das condições climáticas locais e das preferências estéticas do projeto. Assim, em alguns casos, pode ser desafiador integrar sistemas de capoto com elementos arquitetónicos específicos, como molduras, ornamentos ou elementos estruturais complexos.

Custos de manutenção: Com o tempo, alguns sistemas de capoto podem mostrar sinais de envelhecimento estético, como descoloração ou desgaste do revestimento externo. Assim sendo, aumentará significativamente os custos de manutenção. Inegavelmente, eventuais danos ou necessidade de reparos podem exigir intervenções especializadas.

Fachada ventilada vs Capoto: a melhor solução

Embora ambas as abordagens tenham as suas vantagens e desvantagens. A escolha entre elas dependerá principalmente das necessidades específicas do projeto. Isto é, das condições locais e das preferências do proprietário ou arquiteto. É inegavelmente importante consultar profissionais especializados para avaliar a melhor opção para um determinado contexto.

É assim crucial que proprietários, arquitetos e construtores ponderem cuidadosamente as vantagens e desvantagens do capoto relativamente às necessidades específicas do projeto e às condições locais. Portanto, a consulta a profissionais especializados e a adesão a boas práticas de instalação são essenciais para maximizar os benefícios e minimizar os riscos associados a esse tipo de sistema.

Por fim, a escolha entre fachada ventilada vs capoto irá depender das necessidades e preferências de cada projeto. Facilmente, ambas as opções oferecem benefícios em termos de eficiência energética e durabilidade, além de características distintas. Primordialmente é importante avaliar as especificidades de cada sistema e considerar as características do edifício antes de tomar uma decisão.

Consulte-nos através dos contatos. Poderemos ajudar na escolha tendo em conta o objetivo definido!